Faz tempo que o YouTube diz que vai combater desinformações perigosas e parar de premiar esse tipo de conteúdo

Faz tempo que o YouTube diz que vai combater desinformações perigosas e parar de premiar esse tipo de conteúdo. Em idiomas que não o inglês, será que isso anda acontecendo? E se não, quem são os canais que criam esse tipo de vídeo? O que eles ganham com isso?

Mais detalhes no perfil da Pesquisadora Day Machado.

Publicação na Science: https://www.sciencemag.org/news/2020/11/antivaccine-videos-slip-through-youtube-s-advertising-policies-new-study-finds

Publicação: https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fcomm.2020.577941/full

Uma das vantagens que algumas pessoas falam, de usar sistemas descentralizados como o PeerTube é que, como normalmente eles possuem uma quantidade de usuários pequeno (para os padrões de um YouTube) e são gerenciados e moderados por pessoas da comunidade mais próximas dos produtores de conteúdo, moderação manual torna-se possível. Por exemplo, se eu ver alguém subindo um vídeo anti-vacina no PeerTube do LHC, pode ter certeza que o vídeo será excluído o quanto antes.

1 Curtida